AMÉRICA | Empresas
-/5 | 0 votos

0

0

0

0

Empresa deseja produção em parceria

O fabricante português Pinhol pretende testar o seu novo veículo blindado no Brasil

26/06/2012

(Infodefensa.com) R. Caiafa, Sao Paulo – A demanda por novos veículos blindados sobre rodas para uso urbano no Brasil está cada vez maior. Prova disso foi o anúncio do fabricante português Pinhol, que pretende testar o seu novo veículo de quatro rodas blindado e resistente a explosões e emboscadas no País, com vista a desenvolver uma produção de longo prazo e criar parcerias na região do Caribe e da América Latina.

O veículo de quatro rodas é previsto para resistir a dispositivos explosivos improvisados (IED) ??e a minas terrestres regulares enquanto protege os ocupantes em uma emboscada armada. Os testes no Brasil serão realizados em uma parceria da empresa Pinhol com fabricantes brasileiros de chassis de veículos comerciais off-the-shelf.

O chamado veículo resistente a minas e protegido contra emboscadas (4×4 mine resistant ambush protected vehicle - MRAP) tem um peso de combate de 13.600 quilos, uma velocidade máxima de 120 quilômetros por hora e um alcance máximo de cerca de 1.500 km. O veículo é feito com aço SSAB ARMOX e pode ser equipado com blindagem extra, sistema de proteção NBC, sistema de controle de temperatura, sistemas de comunicação, uma estação de arma protegida tripulada ou uma estação de arma remota.

A tripulação é composta pelo piloto e comandante, mais nove soldados totalmente equipados. O projeto está disponível em diferentes configurações. Os planos futuros incluem o desenvolvimento pela empresa, de versões 6 × 6 e 8 × 8  de veículos blindados sobre rodas mais pesados.

 © Information & Design Solutions, S.L. Todos los derechos reservados. Este artículo no puede ser fotocopiado ni reproducido por cualquier otro medio sin licencia otorgada por la empresa editora. Queda prohibida la reproducción pública de este artículo, en todo o en parte, por cualquier medio, sin permiso expreso y por escrito de la empresa editora.

SÍGUENOS EN

ENVÍO DE LA NOTICIA A UN AMIGO
Correo electrónico
Tu nombre
Mensaje