AMÉRICA | Armada
-/5 | 0 votos

0

0

0

0

Vieram semi-desmontadas

Marinha do Brasil recebe novas aeronaves MH-16 Seahawk de Sirkorsky

10/08/2012

(Infodefensa.com) R. Caiafa, Sao Paulo - Chegaram no agosto ao Aeroporto Internacional de Cabo Frio, os dois primeiros Helicópteros MH-16 Seahawk da Marinha do Brasil (MB). As aeronaves vieram semi-desmontadas, transportadas por aeronave da Força Aérea Norte Americana (C-17).

Após serem colocados em condições de voo, serão conduzidos por pilotos da empresa Sikorsky Aircraft Corporation, para a Base Aérea Naval de São Pedro da Aldeia, onde permanecerão em testes finais de aceitação. A incorporação definitiva à Força Aeronaval ocorrerá por ocasião do aniversário da Aviação Naval, em 23 de agosto.

Essas aeronaves foram adquiridas junto à empresa Sikorsky, de uma encomenda de seis helicópteros, mediante acordo celebrado em maio de 2008 com o Governo dos Estados Unidos da América, e irão substituir os SH-3A/B Seaking, que prestaram bons serviços por mais de 40 anos.

As novas aeronaves MH-16 serão operadas pelo Primeiro Esquadrão de Helicópteros Anti-Submarino, sendo empregadas em proveito das Forças Navais na “Amazônia Azul”. Estes aparelhos contam com a capacidade de realizar tarefas de detecção, localização, acompanhamento, identificação e ataque a alvos de superfície e submarinos, além de ações de busca e salvamento.

O MH-16 possui características estruturais e de projeto que lhe conferem maior robustez, resistência e confiabilidade, tais como: redundância dos sistemas de controle de voo e sistemas hidráulicos; e tolerância balística das pás do rotor principal para calibres de até 20 mm. Seus equipamentos aviônicos e sensores são última geração e o helicóptero pode ser armados com metralhadora lateral, torpedos anti-submarino e míssil antinavio (no caso, o Pinguin MK3, já adquirido pela Marinha do Brasil para armar estes helicópteros).

Foto: Sikorsky

 © Information & Design Solutions, S.L. Todos los derechos reservados. Este artículo no puede ser fotocopiado ni reproducido por cualquier otro medio sin licencia otorgada por la empresa editora. Queda prohibida la reproducción pública de este artículo, en todo o en parte, por cualquier medio, sin permiso expreso y por escrito de la empresa editora.

SÍGUENOS EN

ENVÍO DE LA NOTICIA A UN AMIGO
Correo electrónico
Tu nombre
Mensaje