AMÉRICA | Empresas
-/5 | 0 votos

0

0

0

0

Seminário Exportar é Inovar

Apex-Brasil e ABIMDE reúne a indústria de defesa para auxiliar as empresas no mercado internacional

12/09/2012

(Infodefensa.com) R. Caiafa, São Paulo - A Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), em parceria com a Associação Brasileira das Indústrias de Materiais de Defesa e Segurança (ABIMDE), realizou o Seminário Apex-Brasil: Exportar é Inovar, em São Paulo (SP), para empresas do setor.

No encontro, os empresários receberam diversas informações sobre os serviços oferecidos pela Apex-Brasil para auxiliar as empresas brasileiras em sua atuação no mercado internacional. Foram destacadas duas ações de promoção comercial desenvolvidas pela Agência: o Projeto Comprador Imagem Carnaval (que reúne empresários brasileiros e compradores internacionais durante o Carnaval para rodadas de negócios, visitas a indústrias e pontos de vendas) e o Projeto Fórmula Indy (que utiliza o ambiente das corridas da categoria mais importante do automobilismo norte-americano para promover encontros de relacionamento e ações de divulgação de produtos e serviços brasileiros no exterior, especialmente nos Estados Unidos, Canadá e China).

O Navio Escola Brasil, em suas viagens visando formar os novos oficiais da Marinha, também tem atuado como divulgador da Base Industrial de Defesa brasileira, sediando eventos organizados em diversos portos de nações amigas visitados pela embarcação.

No Seminário, também foram apresentadas as ações do convênio firmado em abril deste ano entre a Apex-Brasil e a ABIMDE com o objetivo de promover as exportações do setor. Ao todo, 33 empresas associadas participam do projeto. Entre as principais ações previstas para o convênio, que tem vigência de um ano, está à participação em feiras internacionais - a Fidae 2012, realizada no Chile, foi um enorme sucesso - o Planejamento Estratégico Setorial para a Internacionalização e a participação em missões empresariais do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC).

Os mercados-alvo do projeto são Gana, Angola, Namíbia (a África possui um potencial muito promissor), Chile, Colômbia, Arábia Saudita, Indonésia, França e Grécia. Desde 2006, a Apex-Brasil desenvolve, em parceria com a ABIMDE, o projeto de promoção de exportações dos produtos e serviços do setor de defesa e de segurança. Em 2011, as empresas participantes do Projeto exportaram US$ 235,9 milhões. As exportações totais do setor brasileiro de defesa e segurança em 2011 foram de US$ 1,7 bilhão.

"A indústria de materiais de defesa e segurança é grande geradora de inovação, tecnologia de ponta e empregos qualificados. Essas características, aliadas à transversalidade do setor, que interage com praticamente todos os segmentos da economia do país, fazem da indústria de defesa um instrumento estratégico de desenvolvimento de várias cadeias produtivas” afirma o presidente da Apex-Brasil, Mauricio Borges. “A Apex-Brasil apoia o setor nos seus esforços de exportação e está intensificando as ações de promoção comercial de seus produtos e serviços e o seu posicionamento no mercado externo com ações como a participação de empresários em missões comerciais e feiras internacionais”, complementa.

 © Information & Design Solutions, S.L. Todos los derechos reservados. Este artículo no puede ser fotocopiado ni reproducido por cualquier otro medio sin licencia otorgada por la empresa editora. Queda prohibida la reproducción pública de este artículo, en todo o en parte, por cualquier medio, sin permiso expreso y por escrito de la empresa editora.

SÍGUENOS EN

ENVÍO DE LA NOTICIA A UN AMIGO
Correo electrónico
Tu nombre
Mensaje