AMÉRICA | Defensa
-/5 | 0 votos

0

0

0

0

Fragilidade das redes cibernéticas

Amorim defende o uso de tecnologia nacional para defesa de redes de comunicação do País

11/07/2013

(Infodefensa.com) Brasília – O ministro da Defesa, Celso Amorim, defendeu no Senado a necessidade de que o Brasil desenvolva softwares e outras ferramentas nacionais para proteção das redes de computadores de seus órgãos de Estado. “O desafio principal que temos é o de desenvolver ferramentas nacionais com brasileiros para nos defender”, afirmou.

Na companhia do ministro das Relações Exteriores, Antonio Patriota, e do ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), general José Elito de Carvalho Siqueira, Amorim participou de audiência pública na Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional da casa legislativa. O convite teve como motivação as denúncias de espionagem de comunicações de cidadãos, empresas e órgãos públicos por agências de inteligência dos Estados Unidos.

Durante a reunião, o ministro Amorim admitiu haver fragilidade nos mecanismos de defesa das redes cibernéticas do País. “Porém, acho que, como em toda situação, o primeiro passo para se resolver o problema é diagnosticá-lo”, afirmou. “E acho que estamos diagnosticando corretamente que existe uma vulnerabilidade em termos de defesa cibernética”.

O ministro da Defesa frisou, entretanto, que a fragilidade dos meios de segurança das redes de computador não é uma peculiaridade do Brasil, como pôde ser observado em declarações recentes de líderes mundiais europeus e sul-americanos a respeito das denúncias espionagem. “A Alemanha e a França, países que dispõem de sistemas muito sofisticados, a julgar pela declaração dos seus próprios líderes, também foram tomados de surpresa pela escala e pela amplitude dessas ações”, ressaltou.

Amorim lembrou que até mesmo o ex-secretário de Defesa dos Estados Unidos, Leon Panetta, admitiu que seu país estava sujeito a ter um “Pearl Harbor cibernético”. “Se o secretário de Defesa dos EUA diz isso é porque é algo complexo de se conseguir resolver de um dia para outro”, disse, acrescentando que ele próprio mantém cuidados especiais com suas comunicações eletrônicas.

 © Information & Design Solutions, S.L. Todos los derechos reservados. Este artículo no puede ser fotocopiado ni reproducido por cualquier otro medio sin licencia otorgada por la empresa editora. Queda prohibida la reproducción pública de este artículo, en todo o en parte, por cualquier medio, sin permiso expreso y por escrito de la empresa editora.

SÍGUENOS EN

ENVÍO DE LA NOTICIA A UN AMIGO
Correo electrónico
Tu nombre
Mensaje