AMÉRICA | Empresas
-/5 | 0 votos

0

0

0

0

Grupo Safran

Optovac entrega Flight Control System montado no Brasil para o programa EC725

06/09/2013

(Infodefensa.com) R. Caiafa, Sao Paulo - Optovac, através da sua nova unidade instalada no PQT da Universidade do Vale do Paraíba, anunciou a entrega dos primeiros sistemas de controle de voo (FCS-Flight Control System) para o programa HX-BR EC-725 da Helibras/Eurocopter, que prevê a entrega de 50 helicópteros do modelo. Resultado dos acordos de off-set do contrato assinado em 2009, a criação da linha de montagem no PQT envolveu investimentos de cerca de US$ dois milhões para a instalação de escritório de engenharia e consultoria destinados a prestação de serviços de suporte para programas aeronáuticos e de engenharia de sistemas.

Segundo Valerie Redron, CEO da Sagem Aeronáutica “Inaugurar a sala de produção do FCS é o primeiro passo no plano de expansão da Sagem no Brasil e tenho muito a agradecer a François Haas, presidente da Turbomeca Brasil, pelo seu auxílio e grande conhecimento do país; a Sergio Nobre da Optovac; ao prefeito de São José dos Campos, Carlinhos de Almeida; a Eduardo Bastos e sua equipe do Parque Tecnológico da Univap, as empresas que adaptaram a estrutura e instalaram os equipamentos de nossas linhas de produção e laboratórios com o rigoroso controle de qualidade exigido em tão curto espaço de tempo; e a Helibras e equipe pela paciência e apoio que tiveram conosco”.

François Haas, por sua vez, destacou a importância dos ganhos já implementados com a transferência de tecnologia “Hoje a Optovac entrega os primeiros FCS dos EC-725 montados em São José dos Campos, em agosto do ano passado a Turbomeca inaugurou a linha de montagem das turbinas e APU desses helicópteros em Xerém (RJ), e até o momento já entregamos na Helibras 14 turbinas Makila e oito APU´s montados no País. Desse modo, o Grupo Safran confirma os investimentos contratuais e a transferência dos conhecimentos de montagem desses sistemas (turbinas, APU´s e FCS), conforme o requerimento brasileiro”.

Optovac no Parque Tecnológico

Infodefensa Brasil visitou as instalações da Optovac no Parque Tecnológico da Univap durante recepção e tour que contou com as presenças de Valerie Redron, CEO da Sagem Aeronáutica, François Haas, presidente da Turbomeca Brasil e representando o Grupo Safran, Sergio Nobre e Henrique Nobre da Optovac, executivos de empresas parceiras como a Helibras, fornecedores, militares da Aviação do Exército Brasileiro e Força Aérea, e convidados.

Redron respondeu a perguntas de Infodefensa Brasil:

Para entregar os primeiros FCS dos EC-725 montados no Brasil, a Optovac teve de qualificar seus técnicos. Como foi realizado esse processo de transferência de conhecimento pela Sagem?

VR: “Uma das principais estratégias da transferência de tecnologia foi o treinamento dos técnicos da Optovac na França, iniciado em novembro de 2012 e complementado pela assistência técnica da equipe de Sagem que veio e ainda vem ao Brasil. A recepção desse pessoal na França foi muito bem organizada, com tradutores apoiando os brasileiros por todo o curso, garantindo assim uma capacitação de alto nível, e essa formação continuou no Brasil, após o seu retorno”.

Quais vantagens o domínio da tecnologia FCS do EC-725 pode trazer para o Brasil?

VR: “Hoje comemoramos a entrega dos primeiros FCS da Sagem montados localmente, e acredito que a Optovac seja a primeira empresa a fazê-lo por aqui com relação a esse tipo de produto. Graças a essa linha de montagem, temos a capacidade de propor a manutenção dos pilotos automáticos no Brasil e podemos trazer aos nossos clientes o suporte técnico esperado e necessário para uma variedade de produtos de alta tecnologia. A disponibilidade de helicópteros será melhorada através da manutenção local realizada. A estratégia da Safran no País é estar presente ao lado dos clientes brasileiros para entender sua necessidade e oferecer-lhe soluções adequadas”.

O Grupo Safran anunciou a compra da Optovac em junho de 2012 e um ano depois já prepara uma linha de produção/montagem de optrônicos na nova unidade. Quando ela começará a funcionar?

VR: “O elemento chave da estratégia inicial de crescimento da Sagem no Brasil foi a capacitação de montagem do sistema de controle de voo localmente. O sucesso dessa operação nos permitiu definir o próximo passo da expansão, a introdução de uma completa linha de montagem e integração de optrônica portável que começará a funcionar no próximo mês de outubro nas instalações do Parque Tecnológico da Univap em São José dos Campos”.

 © Information & Design Solutions, S.L. Todos los derechos reservados. Este artículo no puede ser fotocopiado ni reproducido por cualquier otro medio sin licencia otorgada por la empresa editora. Queda prohibida la reproducción pública de este artículo, en todo o en parte, por cualquier medio, sin permiso expreso y por escrito de la empresa editora.

SÍGUENOS EN

ENVÍO DE LA NOTICIA A UN AMIGO
Correo electrónico
Tu nombre
Mensaje