menú responsive
AMÉRICA | Tierra
-/5 | 0 votos

Obuseiros auto-propulsados e veículos remuniciadores.

94 veículos blindados desembarcados em Paranaguá para o Exército Brasileiro

Um dos 56 VBCOAP M-109 A5 em Paranaguá: renovação da Artilharia do EB.

Um dos 56 VBCOAP M-109 A5 em Paranaguá: renovação da Artilharia do EB.

05/10/2018 | Belo Horizonte

Roberto Caiafa

O Porto de Paranaguá (Paraná) e a Base de Apoio Logístico do Exército (Ba Ap Log Ex) executaram o desembaraço alfandegário e o desembarque de 56 Viaturas Blindadas de Combate Obuseiro Autopropulsado (VBCOAP) M109 A5, e 40 Viaturas Blindadas de Transporte Especial Remuniciadora (VBTE Remun) M992A2, destinadas ao Exércirto Brasileiro, nos dias 03 e 04 de outubro.

Também foram desembarcados 27 tubos de 155 mm e seus cases de acondicionamento/ferramental. Serão utilizados para substituir tubos “cansados” de outros VBCOAP M-109 já em serviço.

M992A2 é uma viatura blindada de transporte especial remuniciadora originalmente empregada pelo Exército dos EUA (US Army) junto aos seus M-109.

A sua parte interna é construída para guardar a munição dos obuseiros da família M109, que também foram adquiridos pelo EB e parte deles estão sendo modernizados para a versão M109A5+.

Ambos – M992A2 e M109 – fazem parte do conjunto de equipamentos militares colocados à disposição para doação através do programa Foreign Military Sales (vendas militares para o exterior) e adquiridos pelo Brasil.

As quarenta unidades são as primeiras desse tipo na artilharia do EB.

Os veículos blindados de esteiras M992A2 FAASV (Field Artillery Ammunition Supply Vehicle), classificadas no EB como Viatura Blindadas de Transporte Especial Remuniciadora (VBTE Remun) deverão aumentar drasticamente a persistência em combate e volume de fogos disparados pelos M109A5.

Os exemplares sendo desembarcados não receberam nenhuma modernização.

De Paranaguá os 94 veículos seguem para o Parque Regional de Manutenção 5 (PQ R MNT/5), estabelecimento logístico onde serão inspecionados, manutenidos, recolocados em especificações de manuais, calibrados, repintados e entregues as unidades operadoras.

Acredita-se que alguns exemplares de ambos os modelos serão desmontados para fornecerem spare parts.

Os M-109 A5 BR+ Plus, atualmente sendo submetidos a uma demorada modernização nos Estados Unidos não registraram nenhuma entrega.

Imagens: Comando Logístico / Exército Brasileiro

 

 © Information & Design Solutions, S.L. Todos los derechos reservados. Este artículo no puede ser fotocopiado ni reproducido por cualquier otro medio sin licencia otorgada por la empresa editora. Queda prohibida la reproducción pública de este artículo, en todo o en parte, por cualquier medio, sin permiso expreso y por escrito de la empresa editora.

APPS

ENVÍO DE LA NOTICIA A UN AMIGO
Correo electrónico
Tu nombre
Mensaje