menú responsive
AMÉRICA | Defensa
-/5 | 0 votos

Ultracentrífugas projetadas pela Marinha do Brasil

Brasil aumenta enriquecimento de Urânio em 20%

Instalações da INB em Resende (RJ)

Instalações da INB em Resende (RJ)

30/11/2019 | Belo Horizonte

Roberto Valadares Caiafa

No dia 29 de novembro, a Indústrias Nucleares do Brasil (INB) dará mais um passo rumo à ampliação da capacidade de enriquecimento de urânio no Brasil.

Com a inauguração da 8ª cascata de ultracentrífugas, na Fábrica de Combustível Nuclear (FCN), em Resende/RJ, a empresa aumentará em 20% a produção de urânio enriquecido no país, sendo possível produzir 60% do necessário para abastecer a Usina Nuclear de Angra 1.

O evento contará com autoridades do Governo Federal, da Marinha do Brasil e representantes do setor nuclear.

Com o aumento da produção, a INB somará o equivalente a R$6 milhões de economia de divisas ao montante de R$36 milhões anuais já economizados com a produção das sete cascatas em funcionamento.

A cada avanço na ampliação da Usina de Enriquecimento de Urânio, a INB reduz a necessidade de comprar urânio enriquecido no exterior para a produção de combustível para as usinas...

Contenido gratuito disponible para suscriptores

 

Si todavía no se ha suscrito, pinche aquí, el registro es totalmente gratuito. En caso contrario, introduzca sus datos:

 © Information & Design Solutions, S.L. Todos los derechos reservados. Este artículo no puede ser fotocopiado ni reproducido por cualquier otro medio sin licencia otorgada por la empresa editora. Queda prohibida la reproducción pública de este artículo, en todo o en parte, por cualquier medio, sin permiso expreso y por escrito de la empresa editora.

ENVÍO DE LA NOTICIA A UN AMIGO
Correo electrónico
Tu nombre
Mensaje