menú responsive
AMÉRICA | Defensa
-/5 | 0 votos

Integração do território nacional

Brasil negocia com a VLI a expansão do treinamento do batalhão ferroviário de Mauá

Militares do 2º Batalhão Ferroviário e engenheiros da VLI durante a reunião.

Militares do 2º Batalhão Ferroviário e engenheiros da VLI durante a reunião.

04/01/2020 | Belo Horizonte

Roberto Valadares Caiafa

Com a finalidade de atender às perspectivas para o futuro do transporte ferroviário brasileiro (militar e civil), o 2º Batalhão Ferroviário* está em busca de atualizações sobre as novas técnicas, métodos de planejamento e execução de obras ferroviárias, entre outras capacitações no ramo, de modo a qualificar militares e servidores civis a atuarem em futuras obras de cooperação do modal ferroviário.

Desta forma, em dezembro de 2019 foi realizada uma reunião com a empresa brasileira VLI Multimodal S/A, com a finalidade de levantar as possibilidades de capacitações que essa empresa poderá oferecer ao Batalhão Mauá.

A companhia opera as ferrovias Norte Sul (FNS) e Centro-Atlântica (FCA), além de terminais integradores, que unem o carregamento e o descarregamento de produtos ao transporte ferroviário, e a operação em terminais portuários situados em...

Contenido gratuito disponible para suscriptores

 

Si todavía no se ha suscrito, pinche aquí, el registro es totalmente gratuito. En caso contrario, introduzca sus datos:

 © Information & Design Solutions, S.L. Todos los derechos reservados. Este artículo no puede ser fotocopiado ni reproducido por cualquier otro medio sin licencia otorgada por la empresa editora. Queda prohibida la reproducción pública de este artículo, en todo o en parte, por cualquier medio, sin permiso expreso y por escrito de la empresa editora.

ENVÍO DE LA NOTICIA A UN AMIGO
Correo electrónico
Tu nombre
Mensaje