menú responsive
AMÉRICA | Empresas
-/5 | 0 votos

Crise COVID-19

Embraer afasta temporariamente seus funcionários até o fim de março

Empresa ainda aguarda decisão da União Européia sobre a fusão Boeing/Embraer

Empresa ainda aguarda decisão da União Européia sobre a fusão Boeing/Embraer

23/03/2020 | Belo Horizonte

Roberto Valadares Caiafa

Funcionários da Embraer ficarão em afastamento temporário remunerado até 31/3

Visando a saúde e o bem-estar dos funcionários, a Embraer tomou a decisão hoje, 22/03, de colocar os funcionários que não podem desempenhar suas atividades remotamente em afastamento temporário remunerado até o dia ‪31/03‬.

Manteremos apenas poucas atividades essenciais em operação.

Os funcionários que estão em home office continuam trabalhando remotamente.

Essa medida abrange todas as unidades Brasil.

A Embraer também está avaliando a situação nos demais países em que opera e informará em breve a decisão.

Ao longo dos próximos dias, a direção da empresa vai analisar a situação e, junto com os governos e sindicatos locais, tomar a decisão mais adequada para proteger os funcionários do contágio pelo coronavírus e, ao mesmo tempo, proteger o nosso negócio, de forma que todos sofram o menor impacto possível.

A empresa informará a todos sobre as próximas decisões até o dia 30/3‬.

Imagens: Roberto Caiafa

 © Information & Design Solutions, S.L. Todos los derechos reservados. Este artículo no puede ser fotocopiado ni reproducido por cualquier otro medio sin licencia otorgada por la empresa editora. Queda prohibida la reproducción pública de este artículo, en todo o en parte, por cualquier medio, sin permiso expreso y por escrito de la empresa editora.

ENVÍO DE LA NOTICIA A UN AMIGO
Correo electrónico
Tu nombre
Mensaje