menú responsive
AMÉRICA | Defensa
-/5 | 0 votos

Operación Agata II

Forças Armadas brasileiras expandir a ação os seus sistemas mais recentes na tri-fronteira

OperacionAgataII1

26/09/2011

(Infodefensa.com) R. Caiafa, Belo Horizonte (Brasil) - Contando toda a faixa de fronteira da região sul como área de atuação, a Operação Ágata II reforçou as ações de combate aos ilícitos transnacionais fronteiriços na crítica divisa entre Brasil, Paraguai, Uruguai e Argentina. A operação, que integra o Plano Estratégico de Fronteiras, lançado pela presidenta Dilma em junho, teve início na última sexta-feira (16/9), com o uso de 30 aeronaves e a participação de cerca de 10 mil militares divididos entre a Força Aérea, a Marinha e o Exército. Ao contrário da Operação Ágata I, realizada em um ponto fixo junto à fronteira da Colômbia, a segunda etapa utilizará patrulhas móveis, deslocadas a partir de informações obtidas por inteligência direta, satélites, aviões radares e de um Vant ou ARP.

Cerca de 11 milhões de brasileiros vivem nos 710 municípios da faixa de fronteira. Dos 16 mil quilômetros da linha limítrofe,

Contenido gratuito disponible para suscriptores

 

Si todavía no se ha suscrito, pinche aquí, el registro es totalmente gratuito. En caso contrario, introduzca sus datos:

 © Information & Design Solutions, S.L. Todos los derechos reservados. Este artículo no puede ser fotocopiado ni reproducido por cualquier otro medio sin licencia otorgada por la empresa editora. Queda prohibida la reproducción pública de este artículo, en todo o en parte, por cualquier medio, sin permiso expreso y por escrito de la empresa editora.

SÍGUENOS EN

APPS

ENVÍO DE LA NOTICIA A UN AMIGO
Correo electrónico
Tu nombre
Mensaje