Exército Brasileiro recebe novo lote de obuseiros M-109 A5 modernizados
EDICIÓN
| INFODRON | INFOESPACIAL | MUNDOMILITAR | TV
Tierra (Portugués) >

Exército Brasileiro recebe novo lote de obuseiros M-109 A5 modernizados

Imagens: EB
|

O Programa de Obtenção da Capacidade Operacional Plena do Exército Brasileiro (OCOP), dentro do Subprograma Sistema de Artilharia de Campanha realizou a entrega de quatro obuseiros autopropulsados (peças) M-109 modelo A5 para o 29° GAC AP, conhecido como Grupo Humaitá, na cidade de Cruz Alta, Rio Grande do Sul.

Esse quarteto de obuseiros foi revitalizado no Parque Regional de Manutenção/5 em Curitiba e será sucedido por um segundo lote previsto para ser entregue durante o segundo semestre de 2021, oriundo do Parque Regional de Manutenção/3, localizado na cidade de Santa Maria (RS).

O M-109A5, quando comparado ao A3, apresenta um alcance próximo de 30 km, contra 18 km do modelo mais antigo.

A nova versão também reduz em 80% o tempo entre o recebimento da missão e a realização do primeiro disparo.

Dessa maneira, o 29° Grupo de Artilharia de Campanha Autopropulsado, considerado uma unidade de emprego estratégico, moderniza suas linhas de fogo, evoluindo nos aspectos de rapidez, precisão e alcance.

O Exército prossegue na estratégia de ampliar a capacidade operacional, reestruturando a Artilharia de Campanha com equipamento moderno.

A primeira fase deste projeto se encerrou em dezembro de 2019, com a entrega de 32 VBCOAP M109 A5+BR modernizadas nos Estados Unidos, pela BAE Systems, com a capacitação de engenheiros e sargentos mecânicos do Pq R Mnt/5.

A equipe já contabilizava grande experiência, devido ao programa de modernização da VBTP M113BR, também realizada no Pq R Mnt/5 pela BAE Systems, e a participação nos M109A5+BR, permitiu a recuperação dos blindados no Brasil, uma transferência de tecnologia que gera independência.



Recomendamos