Aeromot investirá 55 milhões de dólares em fábrica de montagem de aeronaves Diamond no Brasil
EDICIÓN
| INFODRON | INFOESPACIAL | MUNDOMILITAR | TV
Brasil (Portugués) >

Aeromot investirá 55 milhões de dólares em fábrica de montagem de aeronaves Diamond no Brasil

AEROMOT
Guilherme Cunha (E) CEO da AEROMOT, Governador do Rio Grande do Sul, Ranolfo Vieira Jr. e Chairman do grupo Diamond, Frank Chen (Foto Itamar Aguiar / Palácio Piratini)
|

Uma comitiva formada por dirigentes da fabricante de aeronaves Diamond Aircraft esteve no Brasil (Porto Alegre/RS) para conhecer o Projeto CTAereo da brasileira Aeromot e  discutir detalhes do acordo para produção sob licença de aeronaves da linha Diamond. 

Participaram das audiências o Chairman do grupo, Frank Chen, o CEO Global da Diamond, Frank Zhang, CEO da Diamond Canadá, Kevin Sheng, juntamente com a CEO da FBR Aviation Danielle Adornato.

A Aeromot é distribuidora exclusiva da Diamond Aircraft no Brasil – líder mundial no segmento de aeronaves bimotoras a pistão –, além de ser responsável pelo centro de serviços autorizado e pela distribuição de peças da empresa austro-canadense no País. 

45810843982 11f236dba9 c

O Diamond DA-62 utiliza aviônica Garmin G1000Nxi e possui versão militar de vigilância (Imagem: Roberto Caiafa)

Com investimentos estimados em R$ 300 milhões, a Aeromot assinou no final de julho um protocolo de intenções com o Governo do Estado do Rio Grande do Sul para viabilizar um centro tecnológico aeronáutico (CTAereo) que terá uma unidade de montagem de aeronaves. 

O documento, assinado pelo CEO da Aeromot, Guilherme Cunha, e pelo Governador Ranolfo Vieira Jr., estabeleceu que a unidade será instalada no Distrito Industrial de Guaíba, na grande Porto Alegre, com um aporte inicial de R$ 80 milhões.

“Com o crescimento da Aeromot, a partir do redirecionamento de negócios e contando com parcerias com grandes fabricantes internacionais, a empresa teve um impulsionamento importante. Esse centro de desenvolvimento tecnológico e de montagem de aviões é a concretização de um plano muito bem embasado, planejado e que busca retomar o protagonismo do Rio Grande do Sul no mercado aeronáutico”, destacou Guilherme Cunha.

Depois de cumpridas as etapas de licenciamentos ambientais e de aprovações nos órgãos reguladores de aviação civil, as obras do projeto devem ter início já em 2023. Ao todo, cerca de 1,3 mil empregos serão gerados, sendo 500 empregos diretos e 800 indiretos.

45810841682 783c40cf05 c

As aeronaves Diamond Aircraft, como esse DA-62, são representadas no Brasil pela Aeromot (Imagem: Roberto Caiafa)

Além da montagem de aeronaves em regime CKD (Completely Knock-Down) e fabricação de componentes e peças Aeronáuticas, o empreendimento também será ambiente propício para o desenvolvimento de programas de offset, transferência de tecnologia e pesquisa e desenvolvimento.

A Aeromot é tradicional fornecedora de aeronaves de uso múltiplo, conhecidas como aeronaves “multimissão”, tendo fornecido aeronaves com estas capacidades para diversos órgãos públicos, como os Corpos de Bombeiros de Minas Gerais e Rondônia, as Policias Militares do Rio Grande do Sul, Rio Grande do Norte, Rio de Janeiro e também para a Polícia Federal. 

Além disso, a empresa consolidou-se no mercado como uma das principais vendedoras de aeronaves novas no Brasil, para o setor privado principalmente. Ao todo a empresa entregou 47 unidades nos últimos cinco anos. Outras 32 aeronaves, incluindo aviões e helicópteros para segurança pública e proprietários privados, serão entregues nos próximos três anos.



Recomendamos


Lo más visto