menú responsive
AMÉRICA | Seguridad
-/5 | 0 votos

Japoneses visitam o Centro de Defesa Cibernética do Exército Brasileiro

Japão estuda cibersegurança implantado em 'Rio 2017' para proteger 'Tokyo 2020'

2 Japão ComDCiber

28/01/2017 | Montevideo

R.Caiafa (enviado especial)

O Comando de Defesa Cibernética (ComDCiber) recebeu representantes do Centro Nacional de Prontidão a Incidentes e Estratégia para Segurança Cibernética e da Agência de Polícia Nacional do Japão.

A delegação tinha por objetivo conhecer as experiências na área da Segurança Cibernética colhidas pelo Exército Brasileiro durante os Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016, como uma preparação para os Jogos de Tóquio em 2020.

Fizeram parte da delegação japonesa o Sr Ko Ikai, diretor da Equipe de Segurança Cibernética Tóquio 2020; a Sra Yukiko Tahira, diretora-assistente para Segurança Cibernética da Agência de Polícia Nacional do Japão; o Sr Ryosuke Kamei, membro da Agência de Polícia Nacional do Japão; e o Sr Tetsutaro Nakamura, chefe da Secretária de Segurança.

O Adido das Forças Armadas do Japão no Brasil, coronel-de-exército Toru Yamauchi, acompanhou os visitantes junto com o intérprete Jimmy Hideki Yamamura, da Embaixada Japonesa

Contenido gratuito disponible para suscriptores

 

Si todavía no se ha suscrito, pinche aquí, el registro es totalmente gratuito. En caso contrario, introduzca sus datos:

 © Information & Design Solutions, S.L. Todos los derechos reservados. Este artículo no puede ser fotocopiado ni reproducido por cualquier otro medio sin licencia otorgada por la empresa editora. Queda prohibida la reproducción pública de este artículo, en todo o en parte, por cualquier medio, sin permiso expreso y por escrito de la empresa editora.

SÍGUENOS EN

APPS

ENVÍO DE LA NOTICIA A UN AMIGO
Correo electrónico
Tu nombre
Mensaje