menú responsive
AMÉRICA | Tierra
-/5 | 0 votos

Estudos de viabilidade

Exército Brasileiro trabalha na compra de 221 veículos blindados 8x8 até 2026


Brasil estudia adquirir 221 vehículos 8x8 blindados de caballería (VBC-CAV)


05/01/2021 | Belo Horizonte

Roberto Valadares Caiafa

A surpreendente série de boletins do Exército Brasileiro, no apagar das luzes de 2020, traz mais uma importante diretriz, os estudos de viabilidade para a aquisição de até 221 (duzentos e vinte e um) veículos blindados de combate cavalaria, ou VBC-CAV, na configuração 8x8 e armados com, no mínimo, um canhão de 105 mm.

No BE Nº53, último publicado em 2020, a diretriz também determina a criação de uma equipe responsável pelos estudos de viabilidade e elaboração da proposta do modelo a ser seguido.

O documento cita como desejável que esses veículos blindados sejam contratados antes de 2026, assim como determina o estabelecimento de um contrato de suporte logístico integrado (SLI) semelhante aos propostos na modernização do veteranos EE-9 Cascavel e atualização dos antigos Leopard 1A5 BR.

Confirmando essa aquisição, a Força Blindada brasileira corrige deficiências crônicas em poder de fogo e capacidade de combate anticarro dentro dos regimentos e esquadrões de Cavalaria mecanizados (leia-se Brigadas Guarani), complementando/retirando de serviço gradualmente cerca de 200 VBR EE-9 Cascavel, do tipo 6x6, que ainda permanecerão em serviço por mais 15 anos, e introduzindo em seu lugar blindados 8x8, uma configuração inédita para o Exército Brasileiro.

A VBC-CAV em detalhes

As principais características dos requisitos operacionais compreendem sistema de tração 8X8 com chassis correspondente; armamento principal (canhão) de calibre mínimo em 105 mm (opcional para 120 mm desejável) instalado em torre correspondente; sistema de comando e controle (C2) e comunicações seguras interoperável com as versões C2 adotadas nas viaturas da família de blindados Guarani; comunalidade com os subsistemas adotados pelo projeto de modernização da VBR EE-9 Cascavel e atualização da VBC CC Leopard 1A5 BR.

As diretrizes publicadas deixam claro a continuidade do trabalho feito pelo GT Nova Couraça sob a égide do Subprograma Forças Blindadas (S Prg EE F Bld), integrante do Programa Estratégico do Exército (Prg EE) Obtenção da Capacidade Operacional Plena (OCOP).

 © Information & Design Solutions, S.L. Todos los derechos reservados. Este artículo no puede ser fotocopiado ni reproducido por cualquier otro medio sin licencia otorgada por la empresa editora. Queda prohibida la reproducción pública de este artículo, en todo o en parte, por cualquier medio, sin permiso expreso y por escrito de la empresa editora.

ENVÍO DE LA NOTICIA A UN AMIGO
Correo electrónico
Tu nombre
Mensaje