menú responsive
AMÉRICA | Aire
-/5 | 0 votos

Brasil atesta a evolução dos caças

A aeronave modernizada AMX A-1M exceder 1.000 horas de vôo

1 000 horas(1)

24/03/2015 | São Paulo

Roberto Caiafa

O 1º/16º GAv (Esquadrão Adelphi) completou 1.000 horas de voo com seus jatos de ataque Embraer AMX A-1M modernizados. A unidade da Força Aérea Brasileira (FAB), baseada em Santa Cruz (RJ), é a única que opera essas aeronaves. Durante uma missão de apoio aéreo aproximado, realizada durante o Exercício Boca do Monte, na Base Aérea de Santa Maria (RS), a marca foi alcançada. Desenvolvido pelo Brasil em parceria com a Itália, o caça A-1 entrou em operação na FAB em 1989. Em setembro de 2013, o Esquadrão Adelphi recebeu o primeiro A-1M, versão modernizada com radar multimodo Scipio SCP-01, sistemas de navegação e mira atualizados, novos equipamentos para enganar os sistemas de guiagem de mísseis inimigos, e uma cabine mais moderna com mostradores digitais preparados para uso com óculos de visão noturna, entre outras modificações.

A modernização é realizada na fábrica da Embraer em

Contenido gratuito disponible para suscriptores

 

Si todavía no se ha suscrito, pinche aquí, el registro es totalmente gratuito. En caso contrario, introduzca sus datos:

 © Information & Design Solutions, S.L. Todos los derechos reservados. Este artículo no puede ser fotocopiado ni reproducido por cualquier otro medio sin licencia otorgada por la empresa editora. Queda prohibida la reproducción pública de este artículo, en todo o en parte, por cualquier medio, sin permiso expreso y por escrito de la empresa editora.

SÍGUENOS EN

APPS

ENVÍO DE LA NOTICIA A UN AMIGO
Correo electrónico
Tu nombre
Mensaje