CV90 MK III da BAE Systems Hagglunds desembarca no Brasil para demonstração operacional
EDICIÓN
| INFODRON | INFOESPACIAL | MUNDOMILITAR | TV
Tierra (Portugués) >
Demonstração

CV90 MK III da BAE Systems Hagglunds desembarca no Brasil para demonstração operacional

O principal objetivo desta atividade é posicionar o CV90 como candidato favorito no concurso VBC Fuz
Cv90 porto desembaraco alfandegario1
O demonstrador CV90 MKIII em área de segurança do porto do Rio de Janeiro. Foto: BAE Systems.
|

A BAE Systems Hagglunds desembarcou no Brasil no último sábado (6/5) um veículo blindado Infantry Fighting Vehicle (IFV) CV90 MKIII armado com canhão de 30 mm, sistema APS Iron Fist e capacidade de combate ampliada, visando a realização de uma demonstração das capacidades do equipamento (com tiro real) para integrantes do Alto-Comando do Exército brasileiro.  Objetivo maior dessa atividade, posicionar o CV90 como candidato favorito na licitação VBC Fuz, lançada pelo Exército Brasileiro no dia 26 de dezembro de 2022.

Nessa data, o Estado-Maior do Exército (EME) publicou a Portaria Nº 877, que aprovou a diretriz para a prospecção inicial para aquisição das novas VBC Fuz sobre lagartas criando um Grupo de Trabalho (GT) para “avaliar as opções de obtenção, incluindo o desenvolvimento em parceria nacional ou internacional”.

Esse Grupo de Estudos é liderado pelo general de divisão Armando Morado Ferreira, chefe de Ensino, Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (EPDI), subordinado ao Departamento de Ciência e Tecnologia (DCT). 

O Request for Information ou RFI, lançado no dia 09 de março, foi respondido por cerca de 16 empresas, sendo que 11 delas entraram no processo de habilitação (envio de termo de confidencialidade e declaração de concordância). 

O prazo final para que as empresas respondam ao RFI é até o dia 30 de maio (data prorrogada). O novo VBC Fuz deverá empregar, na versão brasileira, a torre não tripulada UT30BR2 fornecida pela Elbit Systems/Ares Aeroespacial e Defesa, a mesma selecionada para armar os VBTP-MSR 6x6 Guarani, gerando escala e padronizando a frota, um bônus apreciável do ponto de vista logístico.

BAE Systems CV9030 Mk IV scaled e1653822002243

O veículo blindado CV90 MKIII armado com canhão de 30 mm. Foto: BAE Systems

O CV90, ou Combat Vehicle 90, foi projetado pela Administração de Material de Defesa da Suécia (Försvarets Materielverk-FMV) em conjunto com as empresas Hägglunds e Bofors, e entrou em serviço na Suécia com o nome de Stridsfordon 90 (Strf 90).

Atualmente o veículo encontra-se em sua 4ª geração, sendo considerado um dos mais capazes de sua categoria. O CV90 apresenta 15 variantes em operação em sete nações, incluindo quatro membros da OTAN, e tambem foi adquirido pela Eslováquia e está sendo negociado com a República Tchéquia. Em 2023 foi divulgado que a Ucrânia também receberia até 51 exemplares doados pela Suécia.

BAE Systems e o Brasil

A BAE Systems tem uma parceria de longa data com o Brasil, o Exército brasileiro e a indústria do país, que se originou nos anos 1970.  O conjunto de equipamentos em serviço nas forças armadas do país inclui obuseiros autopropulsados M109A5+; viaturas blindadas de transporte de pessoal M113 e obuseiros leves L118, utilizados pelo Exército Brasileiro. 

Além disso, três navios da classe Ocean Patrol Vessel, sistemas de armas navais, serviços de treinamento e manutenção oferecidos à Marinha brasileira e Veículos Anfíbios de Assalto (AAVs) utilizados pelo Corpo de Fuzileiros Navais do Brasil. A empresa é também parceira da Embraer na aviação comercial, no avião de transporte militar C-390 e no veículo de mobilidade urbana EVE Air, assim como a companhia é cliente da fabricante de munições Emgepron.

Cv90 porto desembaraco alfandegario2

O CV90 possui performance e tecnologias que o colocam entre os favoritos para vencer a licitação VBC Fuz. Foto: BAE Systems



Recomendamos


Lo más visto