Thales e EDS irá trabalhar em conjunto no desenvolvimento de sistemas de controle do espaço aéreo
EDICIÓN
| INFODRON | INFOESPACIAL | MUNDOMILITAR | TV
Brasil (Portugués) >

Thales e EDS irá trabalhar em conjunto no desenvolvimento de sistemas de controle do espaço aéreo

Executivos da Thales, Embraer Defesa & Segurança, Savis e Bradar assinam acordo de cooperação durante o Paris Air Show. Foto: Embraer
|

A Savis e a Bradar, empresas integrantes do portfólio da Embraer Defesa & Segurança, e o grupo francês Thales mais a sua subsidiária brasileira Omnisys anunciaram durante o Paris Air Show um acordo de cooperação em sistemas de controle de tráfego aéreo civis e sistemas de controle do espaço aéreo militares para o mercado global, em conjunto.

A importância desse acordo pode ser medida por uma conta simples, dois de cada três aviões no mundo, decolam e pousam graças à tecnologia da Thales. No Brasil, mais de 70% dos radares de Controle de Tráfego Aéreo são fornecidos pela Thales.

A Savis Tecnologia e Sistemas é uma empresa de engenharia dedicada à integração de Sistemas de Sistemas, especializada no desenvolvimento, integração, gestão de projetos, implementação e suporte ao ciclo de vida de projetos de proteção de fronteiras e defesa de estruturas estratégicas. A empresa é o principal integrador de sistemas para o SISFRON, do Exército Brasileiro, que é o maior projeto de vigilância de fronteiras do planeta.

A Bradar é especializada no desenvolvimento de sistemas e sensores eletrônicos como radares de defesa para vigilância terrestre e aérea, equipamentos eletrônicos de guerra e inteligência e soluções de sensoriamento remoto aéreo para mapeamento e monitoramento usando o seu próprio radar de abertura sintética (BradarSAR).

Já a Omnisys é uma empresa brasileira, subsidiária do Grupo Thales, com uma extensiva atuação nos segmentos de controle de tráfego aéreo, defesa aérea, defesa eletrônica, guerra eletrônica, cargas úteis para satélites e serviços.

Uma acordo estratégico

O acordo vai permitir, a partir da sua vigência, que as empresas Savis, Bradar e Thales, bem como sua empresa afiliada, a Omnisys, cooperem na composição de novas soluções de radar para controle de tráfego aéreo através da sinergia de portfólios para os mercados doméstico e internacional. As empresas pretendem identificar e explorar novas oportunidades comerciais conjuntamente.

“Esta iniciativa nos permite aproveitar melhor as sinergias das empresas em termos de produtos e tecnologias complementares, com a visão de desenvolver soluções em conjunto que atendam as demandas atuais e futuras do mercado brasileiro e internacional, particularmente na área de soluções de radar para controle de tráfego aéreo”, afirmou Jackson Schneider, Presidente e CEO da Embraer Defesa & Segurança.

“A parceria confirma o compromisso da Thales em manter o desenvolvimento e produção de alta tecnologia a partir do Brasil para os mercados brasileiro e internacional. Ao combinarmos as competências das duas companhias e suas tecnologias, estaremos melhor posicionados para mantermos a excelência no atendimento aos nossos clientes com soluções inovadoras”, complementa Ruben Lazo, vice-presidente Thales para a América Latina.

Radar LP23SST NG: aplicação dual

Na mesma ocasião em que anunciou o acordo de cooperação com a Embraer Defesa e Segurança, a Thales apresentou o novo LP23SST NG, o mais avançado radar de vigilância aérea em rota, de aplicação dual civil e militar, que atende aos requisitos operacionais da aviação civil e das forças armadas.

Esse moderno sensor já foi vendido para vários países, incluindo o Brasil, e dispõe de um melhor desempenho e custo reduzido do ciclo de vida em comparação com outros radares do mercado.

Resultado do desenvolvimento em conjunto de especialistas brasileiros da Omnisys (subsidiária da Thales no Brasil) e da Thales Air Systems na França, os radares LP23SST NG começarão a ser entregues a partir de 2018.

Imagens: Thales / Embraer



Recomendamos