menú responsive
AMÉRICA | Empresas
-/5 | 0 votos

Novas versões do T-4 .300 Blackout

A empresa brasileira Taurus projeta uma nova metralhadora

A nova submetralhadora da Taurus é bem compacta e utiliza uma coronha telescópica retrátil.

A nova submetralhadora da Taurus é bem compacta e utiliza uma coronha telescópica retrátil.

15/11/2019 | Belo Horizonte

Roberto Valadares Caiafa

A Taurus está trabalhando em uma nova submetralhadora aparentemente em calibre 9 mm, de design completamente novo, e versões do seu fuzil T-4 no calibre .300 Blackout (BLK) com acabamento em Cerakote*, apresentando novas coronhas ergonômicas e placas do guarda mão táticas com trilhos picattiny integrados, em duas diferentes configurações de canos.

Flagradas nas ações de 80 anos da empresa (quando era proibido inclusive fotografar os protótipos) as novas armas chamaram bastante a atenção, especialmente a submetralhadora, compacta e com pistol grip estilo T-4 mais uma coronha bifilar retrátil em material plástico reforçado.

A parte superior da nova submetralhadora é bem reta, com trilhos picattiny incorporando massa e alça de mira compatível.

O cano do protótipo fotografado é pequeno, evidenciando a compacidade do...

Contenido gratuito disponible para suscriptores

 

Si todavía no se ha suscrito, pinche aquí, el registro es totalmente gratuito. En caso contrario, introduzca sus datos:

 © Information & Design Solutions, S.L. Todos los derechos reservados. Este artículo no puede ser fotocopiado ni reproducido por cualquier otro medio sin licencia otorgada por la empresa editora. Queda prohibida la reproducción pública de este artículo, en todo o en parte, por cualquier medio, sin permiso expreso y por escrito de la empresa editora.

ENVÍO DE LA NOTICIA A UN AMIGO
Correo electrónico
Tu nombre
Mensaje