Continua suspensa a compra dos Super Tucano da Embraer devido à demanda do concorrente nos EUA
EDICIÓN
| INFODRON | INFOESPACIAL | MUNDOMILITAR | TV
Aire (Portugués) >

Continua suspensa a compra dos Super Tucano da Embraer devido à demanda do concorrente nos EUA

SuperTucano2 Embraer
|

(Infodefensa.com) Madrid - As autoridades norte-americanas mantêm em suspenso o contrato adjudicado à fabricante de aeronaves Embraer para fornecer 20 Super Tucano para a Força Aérea Afegã, via Força Aérea Norte Americana. A escolha do A-29 aconteceu no final de dezembro de 2011 e a principal concorrente da empresa brasileira, a Hawker Beechcraft, interpôs recurso contra ela.A Hawker Beechcraft, uma empresa dos EUA, competiu no concurso para o Programa LAS (Apoio Aéreo Leve) com a aeronave AT-6B. No seu recurso, a empresa argumentou que a escolha da Sierra Nevada Corporation (SNC), em parceria com a Embraer significaria a perda de 1.400 empregos nos EUA, e que a proposta financeira do Super Tucano seria 25% maior. A Hawker também alega a superioridade do AT-6B no emprego em combate, bem como vantagens no apoio logístico prestado, entre outras coisas.

O programa LAS dispõe de 335 milhões dólares em verbas e inclui o fornecimento de 20 aviões, apoio em terra para manutenção e a formação dos pilotos, entre outros serviços necessários. A aeronave será utilizada para o vôo de treinamento avançado, o reconhecimento e apoio aéreo aproximado (CAS).Enquanto isso, o Super Tucano foi projetado para missões de contra-insurgência e está atualmente em serviço com seis forças aéreas. A aeronave tem provado ser um treinador avançado e eficiente vetor para missões de apoio aéreo leve. Ela tem ajudado o governo colombiano a combater as forças revolucionárias do país (FARC), além de ser particularmente útil em ações contra atividades ilegais de outros países.A Sierra Nevada Corporation é uma empresa privada dos EUA que apresenta soluções de tecnologia ágil, inovadora e atual em eletrônica aeroespacial, aeronáutica, propulsão, micro-satélites, aeronaves, sistemas de comunicações e energia solar. Na atual gestão, desde 1981, as sete áreas de negócio da SNC empregam mais de 2.100 pessoas em 27 localidades de 15 estados dos EUA. A empresa é a maior provedora de serviços para o governo dos EUA.



Recomendamos