menú responsive
AMÉRICA | Armada
-/5 | 0 votos

Marinha do Brasil dispara míssil Penguin com sucesso

Brasil afunda a corveta V-30 Inhauma no exercício Missilex


# Missilex2019 V-30 Inhaúma hundida! (Real Firing Exercise)


01/07/2019 | Belo Horizonte, MG

Roberto Caiafa

A Marinha do Brasil realizou um exercício “Missilex’ contra o casco da ex-Corveta V-30 “Inhaúma”.

 (A Corveta Inhaúma (V-30) foi incorporada à Marinha do Brasil em 12 de dezembro de 1989 e desativada em 25 de novembro de 2016).

Diferentemente do que foi divulgado, a corveta não serviu de alvo para um teste do protótipo do míssil antinavio brasileiro “MANSUP” (que ainda não está pronto para campanha de tiro real com cabeça de guerra).

De fato, ocorreu o treinamento de tiro real com emprego do míssil ar-superfície AGM 119B PENGUIN MK2 MOD 7 lançado por um helicóptero SH-16 Sea Hawk do Esquadrão HS-1 "Guerreiro".

O impacto, a meia nau e na linha d’água, foi considerado tecnicamente como um tiro perfeito, e destroçou o casco da corveta.

Fechando o exercício, caças AF-1 Falcão do Esquadrão VF-1 lançaram bombas BFAG de emprego geral, selando o destino do navio, o fundo do mar.

A corveta Inhaúma – V30, foi o segundo navio a ostentar esse nome na Marinha do Brasil, em homenagem ao Almirante Joaquim José Inácio, o Visconde de Inhaúma.

Sua construção foi autorizada em novembro de 1981 e o contrato foi assinado em 15 de fevereiro de 1982, sendo construída no Arsenal de Marinha do Rio de Janeiro (AMRJ ), Ilha das Cobras, Rio de Janeiro.

Teve sua quilha batida em 23 de setembro de 1983, foi batizada e lançada às 14:00h do dia 13 de dezembro de 1986, tendo como madrinha a Primeira Dama Sra. Marly Macieira Sarney, em cerimônia presidida pelo Presidente da República José Sarney, que contou com a presença do Ministro da Marinha, Almirante-de-Esquadra Henrique Sabóia.

O navio, depois de realizar as provas de mar, foi submetido à Mostra de Armamento e incorporada à Armada em 12 de dezembro de 1989.

A corveta Inhaúma foi desativada em 25 de novembro de 2016.

Imagens e Vídeo: Marinha do Brasil

 © Information & Design Solutions, S.L. Todos los derechos reservados. Este artículo no puede ser fotocopiado ni reproducido por cualquier otro medio sin licencia otorgada por la empresa editora. Queda prohibida la reproducción pública de este artículo, en todo o en parte, por cualquier medio, sin permiso expreso y por escrito de la empresa editora.

ENVÍO DE LA NOTICIA A UN AMIGO
Correo electrónico
Tu nombre
Mensaje