Embraer entrega segundo e último lote de aeronaves Super Tucano para a Nigéria
EDICIÓN
| INFODRON | INFOESPACIAL | MUNDOMILITAR | TV
Empresas (Portugués) >

Embraer entrega segundo e último lote de aeronaves Super Tucano para a Nigéria

A29 nigeria
Um dos 12 A-29 da Força Aérea da Nigéria - Imagem Sierra Nevada/Embraer
|


Aeronaves do 2º lote de turboélices de treinamento e ataque Embraer A-29 Super Tucano adquiridos pela Nigéria partiram da Base da Força Aérea Moody, nos Estados Unidos, em 15 de setembro, passando porIslândia, Escócia, Espanha e Argélia antes de chegarem à Nigéria (Abuja) no dia 24 de setembro.


A29niger1


As seis aeronaves, pilotadas por pilotos americanos, foram acompanhadas por um bimotor de apoio Dornier 328 contratado pela Sierra Nevada Corporation.

Após resistir a pressões políticas internas que pediam o cancelamento da entrega, refutadas pelo Governo Nigeriano e pelo Departamento de Estado Norte-Americano, a chegada do segundo lote de aeronaves foi garantida pela Sierra Nevada Corporation/Embraer.

Projetados para missões de inteligência, vigilância e reconhecimento, os 12 A-29 Super Tucano adquiridos pela Nigéria foram divididos em dois lotes, o primeiro grupo de seis aviões chegando a Kano no dia 22 de junho após passarem por cinco países, incluindo Canadá, Groenlândia, Islândia, Espanha e Argélia.

Esses aparelhos entraram em carga na ordem de batalha da Força Aérea Nigeriana (NAF) em 31 de agosto último e foram imediatamente lançados em combate pelo presidente Muhammadu Buhari e sua Força Aérea, apoiados por “funcionários do governo dos Estados Unidos” a partir do Aeroporto Internacional Nnamdi Azikiwe, localizado na cidade de Abuja.


A29niger2

A Força Aérea da Nigéria (NAF), preparando-se para o recebimento dos aviões, está conduzindo a construção de hangares e instalações de desdobramento na Base Aérea de Kainji, no estado de Kaduna, onde os Super Tucano deverão operar com mais frequência.

A escolha do A-29 Super Tucano pela Nigéria é considerada a maior Venda Militar Estrangeira (FMS) na África Subsaariana em décadas (quase US$ 500 milhões) e inclui peças de reposição para vários anos de operação, apoio logístico contratual, munições e um projeto de construção de vários anos para melhorar a infra-estrutura da Base Aérea Kainji. 

A Nigéria também tem a maior Venda Internacional de Treinamento e Educação Militar no programa de Treinamento Subsaariano (IMET) na África Subsaariana.

O Super Tucanos serão mais uma arma do arsenal da Força Aérea Nigeriana em sua luta contra organizações extremistas violentas, incluindo a Província da África Ocidental do Estado Islâmico.


Nigeria A 29B Moody 2

Imagens: Sierra Nevada Corporation




Recomendamos